Perfil:
Guilherme


Arquivos:

Amigos (0)::

POSTS

Comemoração do cumprimento do primeiro ciclo na FATEC
26/06/2013 às 15:33

Finalmente passei a fase de estreante em uma faculdade pública. Agora, após o primeiro semestre com muitas dificuldades de adaptação às novas regras,os novostipos de avaliação e um novo grau de dificuldade finalmente terminei o primeiro período e gozo asprimeiras férias.

Nestes seis meses houve muitas novidades: o trote ecológico, o trote solidário, a festa à fantasia, os trilóquios, a sétima mostra de projetos de iniciação científica e o arraiáteque marcaram o primeiro semestre dentro da FATEC.

Houve fatos novos dentro da faculdade que eu não contemplava no ensino médio. Os principais fatos são a existência de aulas aos sábados, o fato de a média para passar ser seis, a exigência de mestrado para os professores, a diversificação dos métodos de ensino, a mudança de disciplinas de semestre para semestre, o uso do computador atrelado a exibição de vídeos, slides e acesso à sites de ensino, a valorização do aprendizado, a possibilidade de intercâmbio cultural entre outros fatores auxiliaram no aprendizado e enriqueceram a minha bagagem cultural e intelectual e a de meus colegas.

Outros fatores são negativos e não tem coisa alguma a ver com a faculdade. Os principais deles são o custo do transporte e da alimentação, o pouco sono entre as aulas de sexta-feira e o sábado e a dificuldade em realizar os trabalhos de acordo com as normas da ABNT, pelo pouco acesso à internet e inexperiência em fazer trabalhos acadêmicos.

Na faculdade passamos por grandes processos de renovação de conhecimentos principalmente atrelados à disciplina de Direito, no tocante a temas como a união homoafetiva e a pec (agora lei) dos domésticos, mudando o conceito legal nestes assuntos e também a forma como concebemos conhecimento, agora como algo que pode sofrer grandes modificações em um curto espaço de tempo.

Também aprendi que a cooperação ém uma forma valiosa de ganhar conhecimento na relação com outras pessoas, em oportunidades como apresentações orais, estudos de caso ou mesmo provas em dupla como preparação para a vida empresarial, acadêmica e principalmente social.

Depois de dezenas de avaliações, de várias noites mal dormidas e muitos desafios consegui passar do primeiro ciclo e agora deixo de ser calouro e passo a ser veterano na faculdade. Nasférias, tenho saudades dos estudos, dos colegas e dos minutos de lazer no intervalo entre as duas primeiras e as duas últimas aulas com os jogos de tênis de mesa; mas sei que esta nova fase chegará logo. Terei saudades das aulas de alguns professores, pois as disciplinas mudam, e tenho expectativa pelas novas aulas dos novos professores das novas disciplinas ( a rotatividade de disciplinas é uma grande novidade que tive ao chegar no ensino superior).

Muitos fatos mudaram e agora tenho a certeza que superei a primeira trajetória de umacaminhada de seis. Muito comemorei, mas agora é a vez de traçar novas metas e manter o foco. A todos os meus parentes, amigos, colegas e professores, um MUITO OBRIGADO por contribuir para a realização de mais um objetivo!!!



Comentários



SE TEM QUE PAGAR, DEVE SER POR ALGO DE QUALIDADE!!!
14/06/2013 às 11:23

Ontem, dia 13 de Junho de 2013 ocorreu uma das piores batalhas entre manifestantes e autoridades dos últimos 10 anos. O motivo foi o aumento da passagem de ônibus em 20 centavos. Como uma passata que deveria ocorrer de forma pacífica que teve uma repercussão no mundo todo?

Não é de hoje que ocorrem protestos violentos, mas este foi lastimável. Ele foi um exemplo de como se pode em pouco tempo transformar uma expressão de Direito em atitudes criminosas, em GUERRA.

Certamente houve manifestações violentas dos dois lados, mas o que chama a atenção é o ferimento de pessoas que não faziam parte ativamente do protesto. Muitos deles, jornalistas. Será que se está abrindo uma nova ditadura militar em que os jornalistas estejam sendo reprimidos somente por mostrar a realidade? É certo que ALGUNS manifestantes realmente participaram do conflito de maneira criminosa. Mas a polícia foi despreparada e violenta.

O certo é que a polícia deveria analisar mais friamente o caso. Eles deveriam focar nas pessoas que estavam realizando atividades criminosas. Deveriam separar quem estava PARTICIPANDO, quem estava apenas fazendo uma passeata PACÍFICA e quem estava somente passando no local.

Isto não fizeram. O que se viu foi uma DITADURA, semelhante a que os brasileiros estão acompanhando na SÍRIA e em outros países do ORIENTE MÉDIO. Infelizmente, isto ocorre num país nas vésperas de uma copa de confederações, prejudicando a imagem do BRASIL, afastando os turistas e prejudicando o povo.

Os manifestantes estão certos de protestar. O transporte público deveria ter custo ZERO. Ninguém quer e nem precisa pagar uma basurdo diariamente por um transporte com ônibus abarrotados, com alto índice de violência, sem segurança, caindo aos pedaços, como o governo oferece. Uma questão que fica: Porque o povo tem que pagar algo público, oferecido pelo governo? As escolas são públicas (de péssima qualidade) mas são grtuitas, o SUS é PÚBLICO e GRATUITO. AS UNIVERSIDADES são PÚBLICAS e GRATUÍTAS ( NÃO PRECISO PAGAR PELA FATEC, AO ME VER A ÚNICA COISA PÚBLICA QUE TEM QUALIDADE EM NOSSO PAÍS), porque o TRANSPORTE público temos de pagar?

Para o povo é tarifa ZERO. Se ficar em R$3,20 a passagem, o preço deverá ser justificado pelos governos, e investido  em mais ÔNIBUS, METRÔ TRENS, e deve ser de QUALIDADE COMPATÍVEL COM O PREÇO.

CONCLUINDO: SE TEM QUE PAGAR, DEVE SER POR ALGO DE QUALIDADE. REPRESSÃO NÃO. O POVO NÃO ACEITAM MAIS ISTO. AS AUTORIDADES DEVEM AGIR, PARA QUE A SITUAÇÃO NÃO PIORE. SE FICAR ASSIM, A COISA PIORARÁ AINDA MAIS.



Comentários